PORTUGUESAS COM M GRANDE

292

PORTUGUESAS COM M GRANDE

 de Lúcia Vicente  e Cátia Vidinhas

Um livro para nunca esquecermos como aqui chegámos e nos lembrarmos de que poderemos ir ainda mais longe

 

 

O que têm em comum a padeira Brites de Almeida, a sufragista Beatriz Ângelo, a atriz Beatriz Costa e a pintora Paula Rego? Além de serem todas mulheres, lutadoras, corajosas, independentes e livres… são Portuguesas com M Grande!

O sonho de mudar o mundo e de mudarmos com ele, de criarmos futuros e expectativas, de sermos livres para escolher, mudar, crescer e aprender, de errarmos e construirmos um caminho, de viver uma vida em pleno, é comum a homens e mulheres. No entanto, durante muito tempo, o acesso das mulheres a este sonho era limitado, quando não era mesmo proibido. A luta pelo direito à igualdade de oportunidades tem conhecido muitas protagonistas e batalhas difíceis de travar, mas, para estas mulheres, nada é mais forte que o desejo de liberdade!

Porquê deste livro:

  • Porquê 42? Porque faz em 2018 (2 de abril de 1976) 42 anos que as mulheres têm direito de voto em Portugal.
  • Amália Rodrigues a Ferreirinha, Xica da Silva, Rosa Mota, Josefa de Óbidos, Beatriz Ângelo, Beatriz Costa, Vieira da Silva, D. Maria II e Catarina Eufémia são algumas das mulheres cujas vidas aqui se relatam.
  • Um livro inspirador para raparigas e rapazes de todas as idades.

Sobre a autora:

Lúcia Vicente nasceu em outubro de 1979, à beira da Ria Formosa, em Faro, numa família cheia de mulheres. Foi a primeira desse núcleo a concluir uma licenciatura. Cedo se questionou sobre o papel da mulher na sociedade e por que razões os livros de História nunca mencionavam mulheres. Em 1995, criou, juntamente com um grupo de amigas e amigos, o coletivo feminista MUPI (Mulheres Unidas Pela Igualdade), e dedicou-se ao ativismo feminista enquanto adolescente.

 

Sobre a ilustradora:

Cátia Vidinhas nasceu em 1989, num lugar onde as montanhas são tão altas que facilmente se consegue chegar ao céu. Enquanto ilustradora, colaborou com autores como Valter Hugo Mãe, Álvaro Magalhães, José Jorge Letria e Adélia Carvalho. É autora das ilustrações de oito livros infantis, entre os quais Figura de Urso (2015), Palavras Bonitas Sobre Contas (2017) ou Infâncias (2017). Os seus livros estão publicados em diversos países, como Espanha, Brasil ou Colômbia. Em 2015, viu o seu trabalho destacado pelo Prémio Nacional de Ilustração com o livro WonderPorto.