VIAGENS E ESPAÇOS FEMINISTAS

495
dav

No início do mês, peguei no privilégio que tenho e fiz-me à estrada. Eu e a minha prima decidimos ir até à Galiza numa viagem indulgente, sem pressas, atirando-nos para a frente de tudo o resto que ficava para trás. Não sei se havia necessidade, simplesmente assim o fizemos, dentro desse espírito de inutilidade boa que devemos preservar enquanto mulheres nos 30 (sim, ainda).

Ler artigo completo ...