VAMOS CONGELAR O NATAL?

530

O que eu mais gostava, mesmo, é que nos vossos olhos houvesse sempre esse brilho feliz e único de quem teve tudo o que sonhou, que os vossos braços andassem sempre no meu pescoço e as vossas bocas, coladinhas à minha cara, repetindo um “obrigado, Mãe” tão confiante e sereno que devia ser gravado.
Queria que, todas as manhãs, pudessem correr de pijama para o brinquedo novo e por aqui ficassem, quentes.
Queria que as vossas pernas não crescessem tanto que chegam a não precisar das minhas para ir e vir onde bem vos apetecer, que o vosso coração só quisesse estar aqui a sonhar e não num qualquer lugar longe.

Ler artigo completo ...