ESTE NATAL USE PROTEÇÃO

498

O Natal é tempo de amor e de partilha. Mas calma, não partilhe tudo!…

Há várias regras de ouro no mundo das tecnologias: não há nada 100% seguro. O delete ou o format não apagam nada definitivamente.

Nem tudo o que parece é. O que cai na net, fica na net.

O equilíbrio é essencial para tudo na vida, seja no mundo real ou no virtual. Não temos que viver num clima de medo online mas precisamos que ter plena noção dos perigos que existem. E na internet estes perigos podem revelar-se ainda piores pelo facto de serem invisíveis e silenciosos. O amor, a amizade e a partilha ganham uma nova dimensão no Natal. De repente as pessoas ficam mais fofinhas e tolerantes e partilham, partilham, partilham…

Lembre-se que a noção de “amigo” ganha novos contornos nas redes sociais.  “Não há perigo porque só tenho pessoas que conheço na minha lista de amigos”. Será verdade? Conhece mesmo aquela pessoa muito simpática que estava no jantar de Natal de amigos ou da empresa e que acabou de adicionar à lista? Sabe que os amigos dos seus amigos podem ver as fotos que publica, se estes forem identificados? Sabe que as centenas de desafios que existem no Facebook e que levam as pessoas a publicarem fotos dos filhos (porque têm que mostrar ao mundo que têm orgulho em ser mães ou pais) têm muitas vezes, por trás, redes de pedofilia? Sabe que ao dizer que vai de férias para longe nas redes sociais pode estar a colocar a sua casa em risco?

Vale também a pena desmistificarmos aqui alguns pontos importantes. Se não enviar a “dita” mensagem para 10 pessoas:

– O Buda da imagem não lhe vai dar azar para o resto da vida.

– O duende não destapa o pote com os milhões de euros

– Não vai morrer virgem

– Não vai morrer nos próximos 3 dias

É certo que a maioria das pessoas reenvia estas mensagens por piada, mas é importante percebermos que muitas das vezes elas estão associadas a redes de roubo de dados e de endereços de email.  Os hackers e as redes criminosas são como as bruxas: nunca as vimos, mas…

Outro perigo são os discos rígidos e as pens. Quer tirar fotos provocantes vestida de mãe Natal? Nada mais saudável. Mas não as coloque numa pen ou num disco rígido sem proteção. Se perder estes equipamentos arrisca-se a ver as suas fotos a circularem na Net (ou pior). Isto é igualmente válido para outras imagens, vídeos e documentos pessoais e profissionais. Lembre-se também que os ficheiros apagados podem ser recuperados através de software, ou seja, nem tudo o que apagou está definitivamente apagado.

E por fim as compras. Encontramos facilmente produtos online mais baratos e mais originais. Mas cuidado onde faz as suas compras. Opte por sites com certificação de segurança e com métodos de pagamento fiáveis como o PayPal ou o MBNet. Como diz o ditado português, “Quando a esmola é grande, o pobre desconfia”. Lembre-se disto e desconfie de promoções gigantes, principalmente daquelas que envolvem o preenchimento de fichas com informação pessoal. Em segundos estará a dar os seus dados a sites fraudulentos. Não responda a mensagens e ou clique nos links que chegam por e-mail, SMS, ou pelas redes sociais. Pode ser direcionada para uma página falsa, criada para roubar dados pessoais ou para efetuar uma compra que nunca será entregue.

Não faça compras nem preencha formulários com os seus dados pessoais numa rede Wi-fi pública de um restaurante, bar, hotel, etc. Essas redes não são seguras e podem registar a sua informação.

Mantenha sempre um software de segurança atualizado no PC. Para apanhar vírus e malware não precisa de andar a visitar sites porno ou de encontros, pelo contrário, as ameaças na net escondem-se onde menos esperamos.

Este Natal seja amigo, partilhe, dê mais aos outros. Mas use sempre proteção!

Feliz Natal!