DE QUE LADO ESTÁS?

310

À minha mesa, na verdadeira, na virtual e na do meu coração, no lugar onde sento os meus filhos e lhes falo do futuro, não quero que também conviva gente sem carácter, que são todos, mas todos, aqueles que acreditam que o destino de quase cinquenta milhões de pessoas pode ser entregue a um monstro da idade média pelo bem de uma luta política. Estas eleições não são entre direita e esquerda mas sim entre uma sociedade humanizada e inteligente e o atraso intolerante e imbecil que mata – e que eu não quero perto de mim.

Ler artigo completo ...