AS MINHAS CALÇAS VERDES

7754

Sim. Eu era gay. Sim, eu sou gay. Mas já o era antes das calças verde-alface e gay continuei depois das calças rosa-choque.

Hoje, com 23 anos, consigo distanciar-me o suficiente da situação para perceber que foi resultado da mais profunda ignorância, mas em jeito de remate, caso algum desses rapazes me esteja a ler: a minha família jamais se mataria por ter vergonha de mim. A minha mãe e a minha avó sempre me ensinaram “No dia em que mudares em prol da opinião dos outros, perderás o respeito todo por ti próprio”.

Ler artigo completo ...